Busca:

Porque os cartões serão mais usados que o dinheiro


O mercado de cartões é um dos que mais crescem no Brasil. Segundo a Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs), o volume de pagamentos eletrônicos no Brasil aumentou 576% nos últimos dez anos e alcançou 542 bilhões de reais.

cartao de debito

A cada três ou quatro anos, dobra o total de recursos movimentados via cartões. Estão em circulação no Brasil cerca de 648 milhões de plásticos – o que dá uma média superior a três cartões por habitante. O que mais impressiona é que esses números ainda são tímidos quando comparados com o de países como os Estados Unidos.

 

Tanto os cartões quanto o dinheiro são responsáveis por pouco mais de 40% dos pagamentos feitos pelos americanos. Já no Brasil, cerca 60% do consumo das famílias é feito com dinheiro e 25% com cartão. Para João Pedro Paro, vice-presidente comercial da MasterCard do Brasil, não há motivos para que nos próximos anos o Brasil não caminhe para uma realidade mais parecida com a que se vê hoje nos EUA.

"Os cartões são mais seguros, cômodos e limpos do que o dinheiro" diz. Em entrevista, ele explicou quais estratégias vêm sendo adotadas pela indústria para incentivar pagamentos com celulares e cartões de crédito e pré-pagos.

Inovações tecnológicas

O celular está perto de virar uma realidade como meio de pagamento. Já fizemos uma parceria com a Vivo, a Redecard e o Itaú Unibanco e estamos testando essa forma de pagamento em São José dos Campos (SP). O serviço tem como objetivo atender estabelecimentos de delivery, táxis, consultórios médicos, sites de comércio eletrônico, entre outros. Funciona da seguinte maneira.

O cliente pode pedir uma pizza, por exemplo, e fazer o pagamento pelo celular. Ele entra num programinha que está instalado no cartão do aparelho, digita uma senha, informa o número correspondente à empresa que vai entregar a pizza, preenche o valor e realiza o pagamento. A transação completa consome 30 segundos. Qualquer aparelho celular pode ser utilizado.

Também é uma solução bem interessante para quem vai fazer compras pela internet. Ao invés de digitar o número de cartão de crédito num site, que é algo que muita gente não gosta, o cliente pode colocar todas as informações necessárias para o pagamento no próprio celular. Se alguém roubar o aparelho, não há problema nenhum. O software de pagamento está inserido no cartão do celular.

Quando o cliente avisa a operadora que foi furtado, o aparelho automaticamente deixa de funcionar assim como o telefone deixa de servir como meio de pagamento. E o bandido precisa de duas senhas para fazer uma compra, o que é outra dificuldade. Na fase de testes, o número de problemas que tivermos com fraudes foi zero.

Em breve, vamos lançar essa mesma solução em cidades próximas e, em mais um ou dois anos, a solução começa a ser massificada. O celular será outro instrumento de pagamento para o cliente. É ele quem vai escolher se usa o cartão ou o telefone. O preço será igual ao do cartão, algo como uma mensalidade ou uma anuidade. Já o lojista vai pagar um percentual de transação. Não mudará quase nada. Cartões de crédito

Achamos que o segmento de cartão de crédito ainda tem um excelente potencial. No Brasil, há mais cartões de débito do que de crédito. O volume de transações realizadas é parecido, mas o dinheiro movimento via cartão de crédito equivale ao dobro do débito. A explicação para isso é que o cartão de crédito agrega mais valor. Vou lhe dar um exemplo. Lançamos o MasterCard ShowPass, que permite o uso do cartão como ingresso. É uma parceria com a Time For Fun (T4F) que incluiu shows como do U2. O cliente não precisa mais de um ingresso impresso para entrar no estádio, o que o desobriga de pagar taxa de entrega se fizer a compra pela internet ou pelo telefone.

O cliente também tem a comodidade de usar o cartão para entrar em catracas exclusivas da MasterCard. Esse tipo de vantagem favorece a substituição do dinheiro pelo cartão. Outro exemplo interessante é a parceria que fizemos com a TAM Viagens em que o cliente ganha vantagens na compra de pacotes turísticos. A cada 15 compras de qualquer valor pagas com um cartão Mastercard, o cliente que se cadastrar em nosso site pode imprimir um voucher que lhe dará direito a comprar dois pacotes da TAM Viagens pelo preço de um.

A TAM Viagens passou de sexta para segunda maior agência de turismo do país durante os anos de vigência dessa promoção. A cada dia, o equivalente a três aviões cheios de pessoas viajam sem desembolsar nenhum centavo.

Post Relacionados

Sem comentários

RSS de comentários. TrackBack URI

Deixe um comentário

XHTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Condiciones de uso de los contenidos | Responsabilidad

| Canal Brasil